Marília Mendonça e Paulo Gustavo recebem homenagens no Prêmio Multishow

Marília Mendonça e Paulo Gustavo recebem homenagens no Prêmio Multishow

O ator e humorista Paulo Gustavo e a cantora Marília Mendonça foram homenageados no Prêmio Multishow na madrugada desta quinta-feira, 9. Ambos os artistas morreram em 2021.

Paulo Gustavo foi a óbito em maio, após quase dois meses internado, com complicações decorrentes da Covid-19. Ele havia sido internado em março, e chegou a apresentar melhoras algumas vezes. Após uma pneumonia e uma embolia pulmonar, ele não resistiu.

Marília Mendonça, por sua vez, faleceu em um acidente de avião em novembro. Ela estava a caminho de um show em Minas Gerais, quando a aeronave atingiu um cabo de alta tensão durante o procedimento de pouso, e caiu em uma cachoeira.

Ela concorria na premiação, na categoria Cantora do Ano. Após a confirmação da morte, a organização do evento cancelou as votações e a declarou como vencedora. A mãe, o irmão e o empresário de Marília receberam o troféu durante a cerimônia.

Marcado por diversas performances musicais, o evento também teve um momento, logo antes da entrega do prêmio, de homenagem a Marília. Ivete Sangalo, Iza e Luisa Sonza, além do violonista Franco, interpretaram sucessos da carreira da cantora, que tinha imagens exibidas no telão.

Paulo Gustavo também recebeu homenagens no evento. Tatá Werneck, uma das apresentadoras da premiação e amiga íntima do humorista, abriu as celebrações da vida do ator com um discurso. "Ele era uma luz", disse ela. Em seguida, Cacau Protásio, Catarina Abdala e Samantha Schmütz lembraram o legado de Paulo Gustavo no teatro, no cinema e na televisão. "Artista, no sentido mais nobre da arte", comentou Samanta.

As atrizes passaram para um vídeo do humorista Marcus Majella. Em Nova Iorque, o colega de trabalho fez uma performance vestido como a cantora Beyoncé, e compartilhou momentos da carreira de ambos. "Continuar rindo, continuar fazendo os outros rirem, é a forma mais bonita e verdadeira de honrar esse amigo", afirmou.

A intervenção foi seguida por um vídeo com momentos de Paulo Gustavo na cerimônia do Prêmio Multishow. Ele participou, como repórter ou apresentador do evento, desde 2011, em diversas ocasiões.

O momento foi encerrado com um discurso de Thales Bretas, marido de Paulo Gustavo. Ele comentou sobre a capacidade do ator de promover mudanças e debates usando a arte. "Nunca esqueceremos de toda a alegria e toda a revolução que ele provocou", disse.

Itens relacionados (por tag)

  • Mãe de Marília Mendonça faz homenagem à filha em post

    A mãe da cantora Marília Mendonça, Ruth Moreira, fez a sua primeira publicação nas redes sociais após a morte da filha. Em um post no Instagram, ela aparece ao lado da filha e uma música diz: “Deus me deu, Deus tomou”.

    A música que toca é “Jó”, na voz da cantora Midian Lima, que fala sobre uma pessoa que perdeu tudo.

    Na sexta-feira (5), ao saber da morte da filha, Ruth passou mal e teve que ser levada para o hospital.

    Acidente
    A cantora e compositora Marília Mendonça morreu, nesta sexta-feira (5), aos 26 anos. A sertaneja estava à bordo de um King Air C90A que caiu nos arredores da cachoeira da Piedade, próximo ao aeroporto de Ubaporanga, em Minas Gerais.

    Além dela, o avião tinha quatro ocupantes, que seriam um produtor, um assessor, o piloto e o copiloto.

    O assessor de imprensa Henrique Bonfim Ribeiro, conhecido como Bahia, é uma das vítimas do acidente aéreo que vitimou a cantora Marília Mendonça. O baiano trabalhava na equipe da cantora.

    Ela estava desacordada dentro do avião durante todo o período e, quando o resgate a localizou, ela estava sem vida.

    Em um primeiro momento, a assessoria de imprensa da artista informou que ela tinha sido resgatada com vida, mas a informação se provou falsa momentos depois.

    Marília iria realizar um show na cidade mineira na noite desta sexta. A cantora chegou a postar um vídeo mais cedo afirmando que ia fazer um show. Ela viajava de Goiânia, em Goiás, para Caratinga, onde faria a apresentação.

  • Humorista Paulo Gustavo morre de complicações da covid-19

    O humorista Paulo Gustavo, de 42 anos, morreu hoje (4) em decorrência de complicações causadas pela covid-19. Ele estava internado em um hospital da Zona Sul do Rio de Janeiro (RJ) desde o dia 13 de março.

    Niteroiense, Paulo também acumulava as funções de ator, diretor, roteirista e apresentador. Formado pela Casa das Artes de Laranjeiras, em 2005, o artista integrou uma geração de grande nomes do humor formada pelo centro de treinamento, ao lado de nomes como Fábio Porchat e Marcus Majella.

    Ele teve como principal marca na carreira a personagem Dona Hermínia, nascida na peça “Surto”, de 2004, inspirada na própria mãe o ator. O sucesso retumbante fez com que o humorista ganhasse seu próprio monólogo, "Minha Mãe É Uma Peça", que se tornou filme com duas continuações e até mesmo livro.

    Sua atuação bem-humorada como Dona Hermínia — que reúne diversas observações domésticas e vivenciais de uma dona de casa de meia idade — lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Shell, uma das principais honrarias do teatro brasileiro, no ano de 2006.

    No ano de 2018, a apresentação teatral de "Minha Mãe é Uma Peça" virou DVD, tendo como palco uma lotada Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador.

    Além de sua “obra-prima”, Paulo Gustavo também teve outros trabalhos marcantes, como a minissérie "Divã", as sitcoms "Vai Que Cola" e "A Vila", a peça "Hiperativo" — onde ele mesmo era personagem — além do humorístico "220 Volts", que foi produzido para a televisão, para o cinema e para o teatro.

    Devoto de Santa Dulce dos Pobres, Paulo era um dos mais assíduos colaboradores das Obras Sociais Irmã Dulce, acumulando um total de quase R$ 1,5 milhão em doações para a instituição. Com sua solidariedade, a Osid pôde construir uma unidade oncológica apenas com valor financiado pelo artista.

    Abertamente homossexual desde a adolescência, o humorista era casado com o dermatologista Thales Bretas desde 2017. O humorista deixa dois filhos, Romeu e Gael, nascidos em 2019.

    Quadro clínico
    Paulo Gustavo foi internado em 13 de março por conta de um quadro de contaminação pelo novo coronavírus. No dia 21, precisou ser sedado e intubado para dar continuidade ao tratamento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

    O humorista fez uso de Oxigenação por Membrana Extracorpórea (ECMO), técnica que permite oxigenação extra corpórea com ajuda de aparelho para auxiliar na recuperação, no entanto, teve seu estado clínico considerado como "crítico" na tarde de 11 de abril, por conta de complicações hemorrágicas.

    No domingo (2), os médicos diminuíram os sedativos e bloqueador neuromuscular e Paulo chegou a acordar e interagir com a equipe médica e o marido. À noite, contudo, ele teve uma piora acentuada e exames mostraram "ter havido embolia gasosa disseminada, incluindo o sistema nervoso central, em decorrência de uma fístula bronquíolo-venosa”, segundo o comunicado médico. A situação dele ficou "instável" e era de "extrema gravidade".

  • Internado com covid-19, humorista Paulo Gustavo é intubado

    Com covid-19, o humorista Paulo Gustavo foi intubado após ter uma piora no estado de saúde. A informação, que já circulava entre fãs e amigos do artista, foi confirmada pela assessoria de imprensa dele neste domingo (21).

    "A assessoria do ator Paulo Gustavo confirma, por meio deste comunicado, que o ator, em plena consciência de seu estado, necessitou entrar em ventilação mecânica invasiva, para ser tratado de forma mais segura. Todas as medidas de segurança estão sendo tomadas e a equipe profissional que o atende permanece confiante na sua plena recuperação", afirmou a equipe do comediante.

    O marido do comediante, Thales Bretas, também fez uma postagem falando sobre a intubação, e explicou que a decisão do procedimento foi motivada pela intensa falta de ar que ele sentia. "Foi sedado e intubado para que a cura consiga se estabelecer nos seus pulmões sem cansá-lo tanto com a falta de ar que o incomodava. Estou calmo, confiante e tenho certeza que será um passo importante pra melhora completa do nosso guerreiro!", escreveu.

    Leia a postagem completa:

    "Hoje o amor a minha vida @paulogustavo31 tomou mais um passo na cura da infecção pelo COVID-19. Foi sedado e intubado para que a cura consiga se estabelecer nos seus pulmões sem cansá-lo tanto com a falta de ar que o incomodava. Estou calmo, confiante e tenho certeza que será um passo importante pra melhora completa do nosso guerreiro!!! Ele que é jovem, saudável, sem comorbidades e super cuidadoso, está passando por isso. Peço por favor que tomem muito cuidado, redobrem as medidas de segurança, porque essa infecção é uma loteria e mais pessoas não merecem sofrer. Peço que continuem as correntes de oração e energia, que com certeza estamos recebendo! Tenho muita fé e sei que já já ele estará alegrando a minha vida e a de muita gente por aí novamente.
    Não consigo responder a todos os amigos que, tenho certeza, só tem mensagens de carinho, afeto e torcida! Mas agradeço aqui a todos e peço que continuem orando, que q cura tá chegando!! E orem por todos com Covid, que essa doença não é nem nunca foi uma gripezinha."

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.