Salvador está na briga para receber a Copa América de basquete

Salvador está na briga para receber a Copa América de basquete

Salvador está na briga para sediar a Copa América de basquete masculino de 2022, que terá o Brasil como país anfitrião após 37 anos. Ao todo, treze cidades de oito estados, além do Distrito Federal, se candidataram para receber as 12 seleções do torneio. A definição dos quatro locais escolhidos acontece no final da próxima semana.

Após quase dois meses de visitas técnicas, a organização fechou a lista dos concorrentes. Além de Salvador, estão cotadas as cidades de Recife, Goiânia, Vitória, Rio de Janeiro, Brasília, Uberlândia, Ipatinga, São José dos Campos, Franca, São Bernardo do Campo, São José do Rio Preto e Canoas.

A Copa América acontecerá entre os dias 3 a 11 de setembro de 2022, com a participação de Brasil, Argentina, Estados Unidos, Canadá, México, República Dominicana, Porto Rico, Venezuela, Uruguai, Panamá, Ilhas Virgens e Colômbia.

"A AmeriCup (Copa América) de 2022 será um sucesso, não tenho a menor dúvida. E a grande procura por parte das cidades brasileiras para receber o evento, de Norte a Sul do país, mostra a força do basquete. Tenho certeza que as quatro que forem escolhidas, ajudarão nós, brasileiros, a entregar um grande evento para as Américas", disse o presidente da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), Guy Peixoto Jr.

A última vez que o Brasil recebeu a competição foi em 1984, quando ficou com o título em cima de Porto Rico, em São Paulo. Coincidentemente, a última conquista do país torneio veio em 2009, quando os porto-riquenhos foram sede.

A vinda da Copa América para o Brasil tem relação com o trabalho da entidade de olho no ciclo olímpico de Paris-2024, quando o basquete nacional buscará a classificação para retornar aos Jogos. A organização é uma parceria da CBB com a empresa de marketing esportivo do jogador Daniel Alves.

"Fizemos as visitas técnicas em todas as cidades que se interessaram em receber a AmeriCup e até o fim da próxima semana teremos tudo fechado para anunciar as quatro sedes do torneio. A partir daí, daremos um passo importante para, com praticamente um ano de antecedência, nos organizarmos para entregar um evento de excelência", disse Maurício Santos, diretor executivo da Copa América no Brasil.

 

Itens relacionados (por tag)

  • Saúde libera vacinação contra Covid-19 sem exigência do nome na lista em Salvador

    A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) vai realizar, nesta quinta-feira (25), a vacinação contra a Covid-19 dos cidadãos sem a exigência do nome na lista no site da pasta. Batizada de “Libera Geral”, a estratégia quer assegurar a proteção da população, de forma geral, contra o coronavírus. A estratégia inclui pessoas que vão iniciar ou concluir o esquema vacinal, independentemente de onde tenham recebido as doses.

    Nos postos, é obrigatória a apresentação de original e cópia do documento de identificação com foto, comprovante de residência, Carteira Nacional de Vacinação Digital e cartão de vacina (para quem já tomou alguma dose). Os voluntários de pesquisas, além dos documentos citados, devem levar declaração do instituto responsável de que estão liberados para 3ª dose.

    Confira os postos nesta quinta-feira (25):

    1ª DOSE - REPESCAGEM PARA PESSOAS COM 18 ANOS OU MAIS
    Pontos fixos: UBS Pelourinho, UBS Péricles Cardoso (Barbalho), USF Terreiro de Jesus, USF Itacaranha, USF Alto de Coutos II, USF Colinas de Periperi, USF Plataforma, USF Vista Alegre, USF Rio Sena, USF Cajazeiras XI, USF Fazenda Grande III, UBS Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), USF Mussurunga, USF Itapuã, USF Aristides Maltez (São Cristóvão), USF Coração de Maria, UBS José Mariane (Itapuã), UBS Orlando Imbassahy (Bairro da Paz), USF Parque de São Cristóvão, USF Nova Esperança, USF Jardim Campo Verde, USF KM 17, USF São José de Baixo (Lobato), UBS Virgílio de Carvalho (Bonfim), UBS Ministro Alckmin (Massaranduba), USF Joanes Leste, USF Ursula Catharino (Garcia), USF Menino Joel (Nordeste de Amaralina), USF Mata Escura, CSU Pernambués, USF Arraial do Retiro, USF Professor Guilherme Rodrigues da Silva (Arenoso), USF Estrada das Barreiras, USF São Marcos, USF Vila Nova de Pituaçu, USF Nova Brasília, USF Cambonas, UBS Sete de Abril, UBS Marechal Rondon, USF Boa Vista São Caetano, UBS Frei Benjamin (Valéria), UBS Mário Andrea (Sete Portas), UBS Cosme de Farias, UBS Manoel Vitorino, USF Candeal Pequeno, UBS Cesar de Araújo (Boca do Rio), USF Parque de Pituaçu, USF Pituaçu, USF Zulmira de Barros (Costa Azul), USF San Martim I e USF Santa Mônica.

    1ª DOSE - PESSOAS COM 12 OU MAIS; ADOLESCENTES COM COMORBIDADES; GESTANTES E PUÉRPERAS DE 12 A 17 ANOS OU MAISDrive-thrus: Shopping Bela Vista, Parque de Exposições (Paralela), 5º Centro de Saúde (Barris), Vila Militar, Atakadão Atakarejo (Fazenda Coutos II), FBDC Brotas, Faculdade Universo (Avenida ACM), Universidade Católica do Salvador (Pituaçu) e Uninassau (Avenida Magalhães Neto).

    Pontos fixos: USF São Gonçalo do Retiro, USF Eduardo Mamede, USF Jardim das Margaridas, USF São Cristóvão, USF Cajazeiras V, Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde (Barris), Clube dos Oficiais da Polícia Militar (Dendezeiros), USF Sérgio Arouca (Paripe), USF Tubarão, USF Beira Mangue, USF Teotônio Vilela II (Fazenda Coutos), USF Santa Luzia (Engenho Velho de Brotas), USF Vale do Matatu, FBDC Brotas, USF Curralinho, Universidade Católica de Salvador (Pituaçu), USF Canabrava, UBS Castelo Branco, UBS Pires da Veiga (Pau da Lima), UBS Ramiro de Azevedo (Campo da Pólvora), USF San Martim III e USF Pirajá.

    2ª DOSE OXFORD (APRAZADOS ATÉ 25 DE DEZEMBRO DE 2021)
    Pontos fixos: UBS Pelourinho, UBS Péricles Cardoso (Barbalho), USF Terreiro de Jesus, USF Itacaranha, USF Alto de Coutos II, USF Colinas de Periperi, USF Plataforma, USF Vista Alegre, USF Rio Sena, USF Cajazeiras XI, USF Fazenda Grande III, UBS Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), USF Mussurunga, USF Itapuã, USF Aristides Maltez (São Cristóvão), USF Coração de Maria, UBS José Mariane (Itapuã), UBS Orlando Imbassahy (Bairro da Paz), USF Parque de São Cristóvão, USF Nova Esperança, USF Jardim Campo Verde, USF KM 17, USF São José de Baixo (Lobato), UBS Virgílio de Carvalho (Bonfim), UBS Ministro Alckmin (Massaranduba), USF Joanes Leste, USF Ursula Catharino (Garcia), USF Menino Joel (Nordeste de Amaralina), USF Mata Escura, CSU Pernambués, USF Arraial do Retiro, USF Professor Guilherme Rodrigues da Silva (Arenoso), USF Estrada das Barreiras, USF São Marcos, USF Vila Nova de Pituaçu, USF Nova Brasília, USF Cambonas, UBS Sete de Abril, UBS Marechal Rondon, USF Boa Vista São Caetano, UBS Frei Benjamin (Valéria), UBS Mário Andrea (Sete Portas), UBS Cosme de Farias, UBS Manoel Vitorino, USF Candeal Pequeno, UBS Cesar de Araújo (Boca do Rio), USF Parque de Pituaçu, USF Pituaçu, USF Zulmira de Barros (Costa Azul), USF San Martim I e USF Santa Mônica.

    2ª DOSE CORONAVAC (APRAZADOS ATÉ 25 DE NOVEMBRO DE 2021)
    Pontos fixos: UBS Pelourinho, UBS Péricles Cardoso (Barbalho), USF Terreiro de Jesus, USF Itacaranha, USF Alto de Coutos II, USF Colinas de Periperi, USF Plataforma, USF Vista Alegre, USF Rio Sena, USF Cajazeiras XI, USF Fazenda Grande III, UBS Nelson Piauhy Dourado (Águas Claras), USF Mussurunga, USF Itapuã, USF Aristides Maltez (São Cristóvão), USF Coração de Maria, UBS José Mariane (Itapuã), UBS Orlando Imbassahy (Bairro da Paz), USF Parque de São Cristóvão, USF Nova Esperança, USF Jardim Campo Verde, USF KM 17, USF São José de Baixo (Lobato), UBS Virgílio de Carvalho (Bonfim), UBS Ministro Alckmin (Massaranduba), USF Joanes Leste, USF Ursula Catharino (Garcia), USF Menino Joel (Nordeste de Amaralina), USF Mata Escura, CSU Pernambués, USF Arraial do Retiro, USF Professor Guilherme Rodrigues da Silva (Arenoso), USF Estrada das Barreiras, USF São Marcos, USF Vila Nova de Pituaçu, USF Nova Brasília, USF Cambonas, UBS Sete de Abril, UBS Marechal Rondon, USF Boa Vista São Caetano, UBS Frei Benjamin (Valéria), UBS Mário Andrea (Sete Portas), UBS Cosme de Farias, UBS Manoel Vitorino, USF Candeal Pequeno, UBS Cesar de Araújo (Boca do Rio), USF Parque de Pituaçu, USF Pituaçu, USF Zulmira de Barros (Costa Azul), USF San Martim I e USF Santa Mônica.

    2ª DOSE PFIZER (APRAZADOS ATÉ 25 DE DEZEMBRO DE 2021)
    Drive-thrus: Shopping Bela Vista, Parque de Exposições (Paralela), 5º Centro de Saúde (Barris), Vila Militar, Atakadão Atakarejo (Fazenda Coutos II), FBDC Brotas, Faculdade Universo (Avenida ACM), Universidade Católica do Salvador (Pituaçu) e Uninassau (Avenida Magalhães Neto).

    Pontos fixos: USF São Gonçalo do Retiro, USF Eduardo Mamede, USF Jardim das Margaridas, USF São Cristóvão, USF Cajazeiras V, Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde (Barris), Clube dos Oficiais da Polícia Militar (Dendezeiros), USF Sérgio Arouca (Paripe), USF Tubarão, USF Beira Mangue, USF Teotônio Vilela II (Fazenda Coutos), USF Santa Luzia (Engenho Velho de Brotas), USF Vale do Matatu, FBDC Brotas, USF Curralinho, Universidade Católica de Salvador (Pituaçu), USF Canabrava, UBS Castelo Branco, UBS Pires da Veiga (Pau da Lima), UBS Ramiro de Azevedo (Campo da Pólvora), USF San Martim III e USF Pirajá.

    3ª DOSE - PACIENTES IMUNOSSUPRIMIDOS E QUE TOMARAM A SEGUNDA DOSE ATÉ 20 DE OUTUBRO DE 2021
    Drive-thrus: Shopping Bela Vista, Parque de Exposições (Paralela), 5º Centro de Saúde (Barris), Vila Militar, Atakadão Atakarejo (Fazenda Coutos II), FBDC Brotas, Faculdade Universo (Avenida ACM), Universidade Católica do Salvador (Pituaçu) e Uninassau (Avenida Magalhães Neto).

    Pontos fixos: USF São Gonçalo do Retiro, USF Eduardo Mamede, USF Jardim das Margaridas, USF São Cristóvão, USF Cajazeiras V, Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde (Barris), Clube dos Oficiais da Polícia Militar (Dendezeiros), USF Sérgio Arouca (Paripe), USF Tubarão, USF Beira Mangue, USF Teotônio Vilela II (Fazenda Coutos), USF Santa Luzia (Engenho Velho de Brotas), USF Vale do Matatu, FBDC Brotas, USF Curralinho, Universidade Católica de Salvador (Pituaçu), USF Canabrava, UBS Castelo Branco, UBS Pires da Veiga (Pau da Lima), UBS Ramiro de Azevedo (Campo da Pólvora), USF San Martim III e USF Pirajá.

    3ª DOSE - PESSOAS COM 18 ANOS OU MAIS (APARAZADOS ATÉ 27 DE JUNHO DE 2021)
    Drive-thrus: Shopping Bela Vista, Parque de Exposições (Paralela), 5º Centro de Saúde (Barris), Vila Militar, Atakadão Atakarejo (Fazenda Coutos II), FBDC Brotas, Faculdade Universo (Avenida ACM), Universidade Católica do Salvador (Pituaçu) e Uninassau (Avenida Magalhães Neto).

    Pontos fixos: USF São Gonçalo do Retiro, USF Eduardo Mamede, USF Jardim das Margaridas, USF São Cristóvão, USF Cajazeiras V, Cajazeiras X, 5º Centro de Saúde (Barris), Clube dos Oficiais da Polícia Militar (Dendezeiros), USF Sérgio Arouca (Paripe), USF Tubarão, USF Beira Mangue, USF Teotônio Vilela II (Fazenda Coutos), USF Santa Luzia (Engenho Velho de Brotas), USF Vale do Matatu, FBDC Brotas, USF Curralinho, Universidade Católica de Salvador (Pituaçu), USF Canabrava, UBS Castelo Branco, UBS Pires da Veiga (Pau da Lima), UBS Ramiro de Azevedo (Campo da Pólvora), USF San Martim III e USF Pirajá.

  • Salvador terá roda-gigante de 84 metros no bairro do Comércio

    Todo final de ano é a mesma coisa. A Prefeitura de Salvador monta uma roda-gigante como atração de Réveillon, e baianos e turistas formam filas enormes para aproveitar o brinquedo. Mas o jogo vai virar. Nesta quarta-feira (24), durante o lançamento de dois programas para o turismo, o prefeito Bruno Reis (DEM) anunciou que a cidade terá uma roda-gigante fixa.

    O brinquedo terá 84 metros de altura, 36 cabines, com capacidade para oito pessoas cada, e será instalado no bairro do Comércio. Ela será construída entre o prédio da Receita Federal e o Hub Salvador. De lá de cima será possível ver a Cidade Alta, o Subúrbio e a Ilha de Itaparica. O secretário municipal de Cultura e Turismo, Fábio Mota, contou que o projeto já está pronto, que a construção será feira por uma empresa privada e que as obras estão previstas para começar em janeiro.

    “Temos um projeto para a construção da roda-gigante e já fechamos a parceria. Ela terá 84 metros, o mesmo tamanho da que existe no Rio de Janeiro (RJ) e em Foz do Iguaçu (PR). Será o novo indutor de turismo para a cidade. Vamos poder ver a cidade inteira lá de cima, incluindo a Ilha de Itaparica. No Rio de Janeiro, ela está entre os cinco pontos mais visitados, mesmo com a cidade tendo outros pontos turísticos famosos”, disse.

    As licenças estão tramitando na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e os pedidos de alvarás já foram encaminhados. A estimativa do Município é assinar a ordem de serviço em janeiro e iniciar a construção de imediato. Serão 12 meses de obra e a previsão é de fique pronta para o Natal de 2022.

  • Taxa de natalidade em Salvador é a menor desde 1974

    Salvador registrou o nascimento de 29.731 crianças em 2020, o menor número desde 1974, quando 28.787 bebês nasceram e foram registrados no mesmo ano na cidade. Na época, era comum o chamado registro tardio, realizado mais de um ano após o nascimento. A queda da taxa de natalidade na capital até os moldes de 47 anos atrás é um efeito da pandemia de covid-19, que alterou a composição de várias famílias. Na outra ponta, as mortes por doenças em toda a Bahia crescem 10 vezes mais que a média anual pelo mesmo motivo.

    Os números de natalidade e de outros indicadores como óbitos e casamentos, foram divulgados nesta quinta-feira (18) e constam das Estatísticas do Registro Civil 2020, elaboradas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a partir dos dados dos Cartórios de Registro Civil de Pessoas Naturais.

    “Havia muito registro tardio até a década de 1990. Algumas crianças chegaram a ser registradas muitos anos depois de terem nascido”, comenta Mariana Viveiros, supervisora de disseminação de informações do IBGE.

    Hoje, a situação está mais rápida. “Enquanto ainda estava no hospital, meu marido pegou meus documentos e foi até o cartório mais próximo. O hospital não estava fazendo por causa da pandemia, mas em dois dias Cecília foi registrada”, diz a jornalista Laura Fernandes, 34, que teve a filha em maio de 2020.

    Laura ainda pretende ter mais filhos, embora não saiba quando. O planejamento familiar, possibilidade de homens e mulheres planejarem a chegada dos filhos, é algo que, segundo Viveiros, se tornou mais comum de 10 anos para cá e também tem contribuído para a redução da natalidade. “Essa tendência é uma realidade principalmente após o ano de 2010, tanto no estado como na capital", explica.

    De acordo com o médico de família e sanitarista Washington Luiz Abreu, doutor em Saúde Pública e professor do curso de Medicina da UniFTC e da Ufba, a redução da natalidade, assim como do número de casamentos, é algo que aconteceu em outras pandemias, como a da Gripe Espanhola, no início do Século XX (entre 1918-1920).

    "Os registros da época não eram tão precisos, mas os que temos mostram que houve mudanças nestes aspectos da vida das pessoas”, explica.

    No caso dos casamentos, em 2020, de acordo com o IBGE, na Bahia o número de uniões caiu 31,1% frente a 2019 e chegou a seu menor patamar em 17 anos (desde 2003). Ao todo, 45.888 casamentos foram formalizados, 20.669 a menos do que no ano anterior. Já em Salvador, o número de casamentos caiu 26,9% em 2020, para 10.656 uniões registradas, 3.922 a menos do que em 2019 e o menor número desde 2006.

    Para o historiador Rafael Dantas, com o fim da pandemia, a tendência é que esses números voltem a crescer. “A história nos diz isso. Sempre que tem um período de pandemia ou guerra, em um momento seguinte, geralmente tem um aumento de casamento e natalidade. Mas como as famílias estão tendo cada vez menos filho, talvez o aumento de nascimentos não seja significante, mas o de casamentos será. Pelo meu contato com as igrejas, já vejo filas de espera”, relata.

    Mortes na Bahia têm crescimento recorde

    A quantidade de mortes registradas em 2020 na Bahia bateu recordes. No ano passado, ocorreram 102.189 óbitos na Bahia, 13,3% a mais do que em 2019 (90.404) e o maior número desde o início da série histórica do IBGE, em 1974. Em Salvador, o aumento da mortalidade foi ainda maior. Em 2020, foram 21.139 falecimentos, 24,7% a mais do que 2019 (16.955).

    Das mortes ocorridas no estado, 82% foram por causas naturais (doenças), o que impactou nos dados. Houve aumento de 13%, em comparação com 2019, na quantidade de pessoas mortas por doenças como a covid-19. Foram 9.492 mortes a mais do que no ano anterior, um aumento dez vezes maior do que o crescimento médio anual de mortes por causas naturais registrado entre 2000 e 2019.

    Para os especialistas, não é difícil considerar a pandemia como principal fator que contribuiu com esses números. De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), até ontem, mais de 27 mil pessoas tinham morrido por covid-19 na Bahia. Só em 2020, foram 9.129 óbitos, quase a quantidade exata de mortes a mais que ocorreram no ano por causas naturais (9.492).

    “A face mais cruel da pandemia é a mortalidade, pois cada pessoa que se vai gera um impacto tremendo na vida das famílias e amigos”, lamenta Rafael.
    “Para evitar ser um dos afetados pela doença, as pessoas fizeram o isolamento. Para não morrer, elas evitaram o contato social e isso acabou afetando os outros índices, como a natalidade e o casamento”, explica Washington.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.