Segunda-feira, 28 de Setembro 2020
5:45:59pm
ACM Neto projeta início da fase 2 de retomada para segunda (10)

ACM Neto projeta início da fase 2 de retomada para segunda (10)

O prefeito ACM Neto afirmou, nesta quarta-feira (4), que a expectativa é de que Salvador consiga passar mais três dias nesta semana com taxas de ocupação de UTIs para covid-19 igual ou abaixo de 70%. Se assim se mantiver, isso permitirá o início da fase 2 da retomada econômica, que contempla bares, restaurantes, academias, salões de beleza e outras atividades.

“Caso consigamos os três dias que faltam ainda essa semana, a retomada vai ser na segunda [10]. Já tínhamos chegado a essa a conclusão pra evitar aglomeração no Dia dos Pais, no domingo. A pior coisa é se a gente abre com aglomeração por causa do Dia dos Pais", considerou o prefeito, que comentou sobre o assunto no bairro do Comércio, durante lançamento de medidas para recuperar o turismo.

No fim da tarde desta quarta, a taxa de ocupação das UTIs ficou em 68%, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). Segundo o protocolo conjunto elaborado pela prefeitura e governo estadual, são necessários 14 dias de espaçamento entre as fases de retomada. Os shoppings da capital reabriram há duas semanas.

Para que o segundo momento da reabertura tenha início, é preciso que a taxa de ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 fique em no máximo 70% por cinco dias, que podem ser contados, inclusive, dentro das duas semanas de intervalo entre as fases.

ACM Neto disse que vai aguardar pelo menos mais um dia com a taxa abaixo dos 70% para divulgar os protocolos sanitários para reabertura de bares, restaurantes, salões de beleza e academias. Inicialmente, a previsão era de que ele publicasse os protocolos nesta terça passada (3). De acordo com a prefeitura, os protocolos de cada setor serão divulgados nesta quinta-feira (5) durante a entrega dos novos viadutos do sistema BRT, na Av. ACM.

Donos de bares e restaurantes poderão nessa retomada usar espaço público para colocar mesas e cadeiras. Alguns estabelecimentos já começaram a pedir autorização à Prefeitura para isso. A permissão é concedida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), possibilitando que esses empreendedores tenham mais espaço para garantir o distanciamento de um metro e meio entre as pessoas com a utilização de área aberta, o que é mais seguro neste momento em que ainda não há vacina contra o novo coronavírus.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.