Castelo Garcia D´Àvila sedia festival de música

Castelo Garcia D´Àvila sedia festival de música

O Castelo Garcia D’Ávila será o cenário da segunda edição da segunda edição do festival Jazz no Castelo, que começa nesta quarta (12) e segue até dia 4/02. Com programação de quarta a sexta, das 17h às 22h, o evento recebe 12 atrações, entre baianos, que vão se revezar em um palco montado ao lado das ruínas do castelo.

Com coordenação geral de Geisy Fiedra, presidente do Conselho Curador da Fundação Garcia d’Ávila, o festival vai oferecer uma mistura de estilos musicais como jazz, blues e soul, além dos ritmos populares que fazem parte da identidade cultural do baiano. “Estamos muito felizes e otimistas com a realização desse festival, que nos ajuda a consolidar a nossa fundação e o castelo como um centro cultural”, relata, entusiasmada, Fiedra.

A curadoria do festival é assinada pelo músico Ivan Huol e pela produtora Cacilda Póvoas. “Construímos a curadoria com um pouco de jazz, blues, soul, funk, um clima mais de música negra e do jazz cantado, e com a música brasileira dialogando com o estilo do jazz, que é universal”, afirma Póvoas.

Quem abre o evento, hoje, é o grupo Rumpilezzinho, projeto social criado pelo maestro Letieres Leite - que será homenageado no evento. Amanhã, a atração é o grupo baiano Pradarrum, capitaneado pelo percussionista Gabi Guedes e que funde ritmos das nações Ketu, Gêge e Angola, como ilú, ijexá, alujá e kabila, com o jazz. Na sexta, tem a banda Geleia Solar, banda nbase da Jam no MAM, composta por vários músicos de peso, entre eles o baterista Ivan Huol.

Sempre com três shows por semana, o festival começa com a apresentação de um DJ, seguido por exibições de vídeo mappings nas ruínas do castelo e, por fim, os shows. Uma área gourmet com comidas e bebidas da região também foi montada no local. O uso de máscara e o cartão de vacinação serão obrigatórios para quem for ao evento.

FICHA

Evento: Jazz no castelo

Onde: Castelo Garcia D´Ávila (Praia do Forte).

Quando: De 12 a dia 04/02, das 17h às 22h.

Ingressos: R$ 50 | R$ 25. Vendas no Sympla.


PROGRAMAÇÃO

Rumpilezzinho (12)

Pradarrum (13)

Geleia Solar e convidado (14)

Eric Assmar e Kika d’Matta (19)

Sonora Amaralina (20)

Geleia Solar e Carol Panesi (21)

Mestrinho (26)

Ana Karina (27)

Geleia solar e Josiel Konrad (28)

Ellen Oléria (2/2)

Adelmo Casé (3/2)

Angela Velloso (4/2)

 

Itens relacionados (por tag)

  • Novo decreto autoriza eventos com até 8 mil pessoas na Bahia

    O governo da Bahia publicou, na edição desta quarta-feira (9) do Diário Oficial do Estado, uma ampliação do público máximo permitido em eventos, de três para oito mil pessoas. A medida tem validade até o dia 18 de março e é preciso respeitar o limite máximo de 50% de ocupação dos espaços.

    Na terça-feira (8), o governador Rui Costa havia dito, em redes sociais, que um novo decreto seria elaborado, autorizando o público de cinco mil participantes. O decreto que estava em vigor na terça estava previsto para seguir até o dia 14 de fevereiro, e permitia a participação de até três mil pessoas por evento.

    No decreto, estão enquadrados casamentos, formaturas, feitas, parques de diversões e exposições, teatros, cinemas, museus, circos, passeatas, e outros eventos urbanos e rurais, seja em locais públicos ou privados.

    Em todos os casos, o acesso aos locais está condicionado à comprovação de vacinação contra a Covid-19 e é obrigatório o respeito aos protocolos sanitários, a exemplo do uso de máscara.

    Covid-19 na Bahia

    O último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde da Bahia, na terça-feira (8), aponta que o estado tem 3.485 casos ativos de Covid-19. Nas últimas 24 horas, foram contabilizados 2.789 casos conhecidos de Covid-19 e 21 mores.

    A Bahia tem mais de 11,4 milhões de pessoas vacinadas com a primeira dose, 10,4 milhões com a segunda dose ou dose única e cerca de 4 milhões com a dose de reforço. Do público de 5 a 11 anos, 643.560 crianças já foram imunizadas.

  • Meta atingida! Limite de público em eventos subirá para 5 mil pessoas

    A condição de queda do número de casos ativos de covid-19 na Bahia foi atingida e, com isso, o governador Rui Costa informou que já vai preparar um novo decreto para aumentar o limite de público em eventos para 5 mil pessoas, além de ampliar a capacidade de público em estádios para 50%.

    "O número de casos ativos e o número de internados em UTI Covid na Bahia seguem em queda! Por isso, já vamos elaborar esta semana um novo decreto para aumentar o limite de público em eventos para 5 mil pessoas e ampliar a capacidade de público em estádios para 50%", disse o gestor.

    O decreto atual, publicado no Diário Oficial do Estado no dia 26 de fevereiro, determina o limite de público por evento é de 3 mil participantes e tem validade até o dia 14 de março. A assessoria do governo informou que o novo deve ser publicado na próxima quinta-feira (10).

    Em sua fala, o governador ainda acrescentou que a exigência do uso de máscaras e da apresentação do comprovante de vacinação seguem valendo na Bahia. "Vamos continuar vacinando para que os números sigam em queda e possamos flexibilizar ainda mais as medidas restritivas", declarou.

  • Carnaval indoor: confira 29 festas privadas que acontecerão em Salvador

    A folia na rua foi cancelada, mas o Carnaval ainda vai acontecer para muitas pessoas. Isso porque pelo menos 29 festas privadas ocorrerão em Salvador e Região Metropolitana, a partir da próxima quarta-feira (23), com público de até 1.500 pessoas, em respeito ao decreto estadual.

    Os ingressos já foram 50% vendidos, no caso do Carnaval Barra Ondina, no Clube Espanhol, e chegam a custar R$ 3.500, na compra de um lounge para 10 pessoas, no Baile Saliente, na Arena Salvador – o equivalente a R$ 350 por cabeça (veja lista de festas no final da reportagem).

    Artistas locais conhecidos nacionalmente como Bell Marques, Durval Lelys, Tuca Fernandes e Alexandre Peixe, e estrelas de fora também, como Pedro Sampaio, estão entre as atrações. Nenhuma dessas festas, no entanto, foi ainda autorizada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), responsável pela emissão dos alvarás.

    Até a última sexta-feira (18), segundo a pasta, 11 eventos encaminharam solicitações, que estão sob análise. A pasta não mencionou as regras exigidas, pois espera um posicionamento oficial do prefeito, Bruno Reis.

    No decreto do governo do estado, já está estabelecido que, para entrar, deve ser apresentado o comprovante vacinal contra a covid-19, com as duas doses e a de reforço, se já estiver disponível. A capacidade do espaço tem que ser 50% do público total da festa, para haver um distanciamento mínimo entre as pessoas – ou seja, nada de aperto.

    Carnaval no MAM
    A festa com maior tempo de duração é o Baile do Sollar Baía, que acontecerá no Museu de Arte Moderna (MAM). Serão quatro dias de festa, de quinta a domingo de Carnaval, com Luiz Caldas, Jau, Tuca Fernandes, Batifun, Bailinho de Quinta, Faustão e Afrodisíaco.

    Os ingressos por lá variam de R$ 80 a R$ 100. A programação carnavalesca faz parte de um evento maior, que começou no dia 9 de dezembro, o Sollar Baía, um complexo turístico e gastronômico montado no espaço.

    Harmonia do Samba fará show no Guarajuba Folia para o Carnaval (Foto: Sércio Freitas/Divulgação)

    Segundo Rodrigo Mello, sócio diretor da Pequena Notável, empresa produtora do evento, o público máximo do espaço é menor do que o exigido em decreto, entre 1 mil a 1,2 mil pessoas. “A gente aliou o local à impossibilidade de se fazer eventos maiores, chamamos os artistas e adequamos à realidade atual. O mais interessante desse bailinho são as atrações naquele ambiente bucólico do MAM, com um dos mais bonitos pôr do sol da Bahia”, argumenta.

    Mello, que trabalha com eventos para o Carnaval há 22 anos, precisou reinventar o formato da festa. “Neste momento, a gente não poderia pensar em um formato diferente. Tivemos que fazer a adequação do público, obedecendo os protocolos sanitários, reduzir custos, renegociar o valor com os artistas e com os prestadores de serviços”, conta o empresário.

    Já o Carnaval no Pátio terá três dias de festa, com Jau, Filhos de Jorge, Armandinho Dodô & Osmar, Alexandre Peixe, Timbalada e Afrodisíaco. “Faremos no Pátio de São Joaquim, um local histórico, amplo, aberto, arejado, que dá para abranger uma capacidade até maior do que o decreto exige. Com esse cenário de pandemia, estamos fazendo para 1.500 pessoas, em um formato bem distante do que é o Carnaval de Salvador, mas foi o possível”, diz o sócio da Diva Entretenimento, Guiga Sampaio.

    A divulgação da festa foi feita logo após o anúncio do governador Rui Costa, sobre manter o público de 1.500 pessoas para festas privadas durante aquele que seria o período da folia. “Todos os eventos foram lançados de última hora, mas estamos tendo uma adesão muito interessante, perto da metade dos ingressos vendidos”, afirma Sampaio. A Diva é a responsável por montar o camarote Harém há 12 carnavais.

    Reinvenção
    O Baile Barra Ondina, dos mesmos produtores do camarote Skol, vai ser no mesmo local do circuito, no Clube Espanhol, só que com outro formato. A festa resgatará o clima de fanfarra nos clubes de antigamente. “Com o cancelamento do Carnaval, a gente imaginou usar parte do clube para fazer essas festas, mantendo a capacidade de 1.500 pessoas. Vamos montar palco, caracterizar o ambiente como um baile de Carnaval, com uma fanfarra abrindo a festa, todos os dias, relembrando os bailes carnavalescos de clube de Salvador”, explica o empresário Binho Ulm, sócio da 2gb Entretenimento.

    Apesar de estar em alta este ano, Binho acredita que as festas de Carnaval indoor são somente um paliativo e não devem continuar após a pandemia. “Trabalho com Carnaval há 20 anos e a produtora nasceu fazendo bloco de rua e, para a gente, é muito triste não ter nenhum evento no Carnaval. De certa forma, estamos fazendo um paliativo, porque, se a gente ficar parado, é pior. Na minha opinião, Carnaval tem que ter trio, multidão e festas de camarote, mas, é melhor fazer uma festa mais limitada do que nenhuma”, avalia o empresário.

    Região Metropolitana de Salvador terá 5 festas
    A Região Metropolitana de Salvador também terá suas festas privadas de Carnaval. Serão cinco dias de folia - três em Guarajuba, no município de Camaçari, com o Guarajuba Folia, e dois em Praia do Forte, na cidade de Mata de São João: o Baile do Pier e o Carnaval Praia do Forte Garden. A Guarajuba Folia será no mesmo espaço usado no Réveillon, em uma infraestrutura de 10 mil m², ao som de Harmonia do Samba, Thiago Aquino, Jau, Timbalada, Bell Marques e Tuca Fernandes.

    A Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur) de Camaçari informou, por meio da Gerência de Licenciamento de Atividades, Publicidade e Eventos (Gelap), que a licença para realização de eventos no município está liberada conforme as diretrizes estabelecidas no Decreto Estadual de n.º 21.027/2022.

    Além do Guarajuba Folia, nenhuma outra festa pediu liberação de alvará à prefeitura. O pedido deve ser feito com 15 dias de antecedência ao evento. A Sedur do município também comunicou que as festas devem seguir as instruções e procedimentos de competência municipal, que tomam como base o Código Urbanístico e Ambiental e o Código de Polícia Administrativa de Camaçari, além de outras determinações definidas por secretarias governamentais.

    O presidente do Conselho Municipal do Carnaval, Flávio Emanoel, a Associação Baiana de Produtores de Eventos (Abape) e a Prefeitura de Lauro de Freitas foram procurados, mas não responderam à reportagem até o fechamento da edição.

    Eventos durante o Carnaval:

    Salvador
    - Carnaval no Pátio
    Onde: Pátio São Joaquim
    Quando: 27/02 a 01/03
    Quanto: R$ 150 a R$ 390
    Quem: Timbalada, Armandinho, Dodô & Osmar, Jau, Filhos de Jorge, Alexandre Peixe

    - Bloquinho de Jau
    Onde: Largo da Tieta
    Quando: 24/02
    Quanto: R$ 80
    Quem: Jau

    - CarnaVila do Farol
    Onde: Vila do Farol
    Quando: 27/02
    Quanto: R$ 70
    Quem: Dan Valente, Nata do Samba e Dj Naylson Carvalho

    - Farofa de Carnaval
    Onde: Farol de Itapuã
    Quando: 05/03
    Quanto: R$ 20

    - Pato Folia
    Onde: Wet Salvador
    Quando: 25/02
    Quanto: R$ 40 a R$ 60

    - Bailinho do All Saints (esgotado)
    Onde: A definir
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 80 a R$ 150

    - Bailinho à fantasia
    Onde: Largo da Tieta
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 60
    Quem: Bailinho de Quinta, Suinga e DJ

    - Black Out Fantasy
    Onde: Cerimonial Villa Prime
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 25 a R$ 30

    - Baile Barra Ondina
    Onde: Clube Espanhol
    Quando: 26 a 28/02
    Quanto: R$ 200 a R$ 350
    Quem: Bell Marques, Tuca, Durval Lelis, Pedro Sampaio, Rafa e Pipo Marques

    - Baile do Gravata Doida
    Onde: Santo Antônio Além do Carmo
    Quando: 23/02
    Quanto: R$ 111,12
    Quem: Filhos de Jorge e Alexandre Peixe

    - Baile do Deivid DJ
    Onde: Barra Music Lounge Bar
    Quando: 05/03
    Quanto: R$ 25 a R$ 50

    - Baile Saliente
    Onde: Arena Salvador
    Quando: 25/02
    Quanto: R$ 60 a R$ 3.500
    Quem: Escandurras, Rogerinho e La Fúria

    - Bloco da Paquera
    Onde: Arena Salvador
    Quando: 05/03
    Quanto: R$ 50

    - Leva o Trio
    Onde: Pátio São Joaquim
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 60
    Quem: Pedro Chamusca, Guga Meyra e DH8

    - Abrakadabra
    Onde: Panther Club Lounge
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 20 a R$ 150

    - Carna Pier
    Onde: Pier XV Beach Club, Lauro de Freitas
    Quando: 26/02 e 27/02
    Quanto: R$ 30
    Quem: Água Fresca, Filhos de Jorge, Isqueminha e Escandurras

    - Carna Quintal
    Onde: Quintal da Mangueira
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 25
    Quem: Axé Para Sempre, Tonho Matéria e Frutos Tropicais

    - Baile Clandestino
    Onde: Trapiche Barnabé
    Quando: 27/02
    Quanto: R$ 60 a R$ 80

    - Baile Sollar Baía
    Onde: Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM)
    Quando: 24/02 a 27/02
    Quanto: R$ 80
    Quem: Jau, Faustão, Luiz Caldas, Tuca, Batifun

    - Ressaca de Pipa
    Onde: Pipa Beach Club
    Quando: 05/03
    Quanto: R$ 150
    Quem: Parangolé e Thiago Aquino

    Mata de São João
    - Carnaval Praia do Forte
    Onde: Praia do Forte Garden
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 250
    Quem: Alexandre Peixe, Filhos de Jorge e Durval Lélys

    - Baile do Bier
    Onde: Castelo Garcia Dávila
    Quando: 26/02
    Quanto: R$ 100

    Camaçari
    - Guarajuba Folia
    Onde: Villa Guarajuba
    Quando: 25/02, 26/02 e 28/02
    Quanto: R$ 90 a R$ 330
    Quem: Harmonia do Samba, Bell Marques, Timbalada, Jau e Thiago Aquino

     

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.