Quinta-feira, 5 de Agosto 2021
7:29:43am
Samba Junino tem ampla programação virtual em 2021

Samba Junino tem ampla programação virtual em 2021

Devido à pandemia da Covid-19, as tradicionais apresentações do samba junino ocorrerão de forma on-line, por meio de lives promovidas pela Fundação Gregório de Matos (FGM) e realizadas via YouTube. O investimento municipal para a ação, através do Prêmio Samba Junino, foi de R$260 mil, sendo destinados R$20 mil para cada projeto aprovado.

No total, 13 entidades farão oficinas, documentários e apresentações virtuais trazendo a história, os elementos formadores e toda a trajetória desse estilo que descende do samba. Há pouco mais de quatro décadas, o ritmo movimenta e leva um novo estilo aos festejos de São João.

Integrante do programa Salvador Memória Viva, da FGM, o Samba Junino é mais um ente do patrimônio cultural da cidade salvaguardado pela pasta. Registrado como patrimônio imaterial, a manifestação entra no terceiro ano sendo parte das ações de conservação implementadas pela FGM.

"Este estilo se configura pela concentração de pessoas, pelo arrastão tradicional que, em tempos de pandemia, nos fez buscar novas estratégias junto aos proponentes, para manter essa essência, sem riscos sanitários. Buscamos então a melhor forma de fazer fluir o espetáculo em tempos de pandemia", destaca a gerente de Patrimônio Cultural da FGM, Gabriella Mello.

Com isso, a programação tem como foco ações de memória, de formação e fruição musical. "O edital contempla lives, aulas, documentários e ações voltadas para as mulheres e o público LGBT no samba, destacando as madrinhas e a importância dessa tradição para as próximas gerações", completa Gabriela.

Quem faz – Grupo formado no bairro de Cajazeiras, o Samba Fama celebra mais de 25 arraiás promovendo a folia junina dentro da tradição do samba duro da Bahia. Para este ano, o grupo teve de abrir mão do famoso arrastão para, através de apresentações virtuais e oficinas, transmitir um pouco do que criou e conservou em quase três décadas de história.

Na quinta-feira (16), no canal do Samba Fama no YouTube, a agremiação irá se apresentar junto com as bandas Samba de Tamanco, Samba Fama, Sai de Baixo que Lá Vem a Zorra e convidados em live show do arrastão junino da região – o Cajarriê.

"Temos como proposta fortalecer, divulgar, resgatar e enriquecer de forma estruturada a cultura do samba junino na cidade. Nas oficinas, destacamos toda a história, rítmica e curiosidades do estilo. Faremos tudo de maneira virtual, mas tentaremos manter a energia e tradição, contando a história e os bairros tradicionais do Samba Junino em Salvador", explica Alessandro Santos, diretor do grupo.

Atuante desde 2002 na cena cultural da Estrada Velha do Aeroporto, o projeto "Samba Junino da Periferia: Estrada Velha resiste" faz parceria com o Samba Duro Bicho da Cana. A iniciativa visa fortalecer a cultura do samba junino local, apoiando a realização de oficinas gratuitas de música e dança, além de apresentações de grupos do estilo na região.

"Para este ano, faremos uma live oficina e uma live show, bate-papos com pessoas representativas do Samba Junino na Estrada Velha do Aeroporto, contando a história do Bicho da Cana, do movimento EVA Resiste e da história do bairro. Nosso diferencial está na pegada moderna do samba que tocamos, fazendo uma espécie de renovação do estilo", avalia Regiane Santos, produtora cultural do movimento EVA Resiste/Grupo de Samba Bicho da Cana, também conhecida como Ane Negona. A live do grupo vai ao ar no dia 23 de junho, no canal EVA Resiste no YouTube, e na página da agremiação no Instagram, o @EVAResiste.

Programação – Samba Junino Ano III

- Arrastão do Samba Fama

16/06 – Realização de oficina virtual de levada rítmica com maestro Rayalla

17/06 – Oficina de dança e cultura do samba junino com o instrutor Edson Souto

19/06 às 17h – Apresentação de live do grupo Samba Fama e convidados

- Fogueirão

23/06, às 18h – Live

- Explosão Cultural Jaké

25/06 – Postagem do documentário nas plataformas e redes sociais

27/06 – Live de lançamento

- Samba Junino da Periferia: EVA Resiste

19/06 – Oficina de dança com Suelen Araújo;

23/06 – Apresentação show do samba duro Bicho da Cana, com repertório que recorda cantigas do samba junino de Salvador;

26/06 – Oficina de pandeiro com a mestra Chica do Pandeiro de Quixabeira da Matinha;

29/06 – Apresentação show do Samba Duro VS;

30/06 – Apresentação show do Samba Neguinho.

- Filhos de Marujo: Pranchão da Viola

26/06, às 16h – Live

- Supersamba Junino

26/06, às 16h – Live

- Arrastão Junino Cajazeiras

02/07, às 16h – Oficina de levada rítmica

03/07, às 16h – Oficina de dança e apresentação da rainha LGBT

10/07, às 20h – Live no canal Arrastão Junino Cajazeiras no YouTube

- Samba Santo Amaro (canal Samba Santo Amaro)

23/06 – Vídeo da apresentação musical

02/07 – Vídeo com resultado da oficina rítmica

31/07 – Documentário sobre o samba junino

- Samba Duro Junino em Movimento (canal Nonato Sanskey e Sambão Mucum'g)

15/06, às 15h – Narrativa histórica sobre o samba junino

20/06, às 15h – Live show com Nonato Sanskey e Sambão Mucum'g

- Samba Junino do Maestro (canal Augusto Conceição)

23/06, às 17h30 - Vídeo produzido pelo Grupo Vai Kem Ké

- Liga do Samba Junino (canal da Liga do Samba Junino)

23/06 – Aula Show de Samba Duro

- Samba Duro do Garcia (canal da Organização Cultural G7 SDJ)

23 e 28/06, às 19h – III Desfile de Samba Duro Junino do Garcia

Itens relacionados (por tag)

  • Novo lote com 86,6 mil doses de vacinas contra a covid chega à Bahia

    Uma nova remessa com 86.600 doses de Coronavac chegou a Salvador na manhã desta quarta-feira (4). O avião pousou no aeroporto de Salvador às 9h20, segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

    A aeronave com a segunda carga de vacinas prevista para chegar hoje deve pousar às 16h50. São mais 165.630 doses da vacina da Pfizer/BionTech. Com isso, no total a Bahia recebe mais 249.230 doses hoje.

    Segundo a Sesab, as doses da Coronavac serão divididas para primeira e segunda aplicação. Já as da Pfizer serão integralmente usadas para a primeira dose.

    As vacinas serão conferidas pela equipe da coordenação de imunização da Secretaria da Saúde do Estado e devem começar a ser enviadas para as regionais de saúde, de onde serão encaminhadas para os municípios nesta quinta-feira. Elas serão remetidas, exclusivamente, aos municípios que aplicaram 85% ou mais das doses anteriores. Esta foi uma decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que é uma instância deliberativa da saúde e reúne representantes dos 417 municípios e o Estado.

    Com as duas remessas desta quarta, a Bahia chegará ao total de 11.582.140 doses de vacinas recebidas, sendo 4.120.500 da Coronavac; 5.586.900 da AstraZeneca/Oxford; 1.619.940 da Pfizer e 254.800 da Janssen.

  • Mais 249 mil doses de vacinas chegam à Bahia nesta quarta

    Mais vacinas vão chegar à Bahia nesta quarta-feira (4). Serão 249 mil doses das vacinas Coronavac e Pfizer, segundo informações da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab).

    A primeira remessa, com 86.600 doses de Coronavac, vem em um voo previsto para pousar na capital às 9h35. Já a segunda carga, com 162.630 doses da Pfizer, desembarca por volta das 16h50.

  • Após ofensas contra chef, secretário de Saúde da Bahia pede exoneração do cargo

    Um dia após a divulgação das ofensas do secretário estadual de Saúde Fábio Vilas-Boas contra a chef e empresária Angeluci Figueiredo, do Preta, o gestor pediu exoneração o cargo. A saída de Fábio Vilas-Boas do cargo que ocupava desde janeiro de 2015, ainda no primeiro mandato de Rui Costa, foi anunciada pelo Governo do Estado, através de nota divulgada à imprensa, e minutos depois reafirmada pelo próprio Vilas-Boas nas suas redes sociais. O cardiologista entregou uma carta com o pedido de exoneração na tarde desta terça-feria (3) e a solicitação foi aceita pelo governador Rui Costa.

    Na carta, o médico agradeceu a confiança do governador que lhe fez o convite e que "me deu a oportunidade de contribuir para uma verdadeira revolução na saúde visando atender a quem mais precisa". Fábio também desculpou-se por episódios recentes envolvendo a empresária Angeluci Figueiredo.

    O governador Rui Costa agradeceu pelo empenho com que o médico conduziu a pasta durante sua gestão. O substituto de Fábio Vilas-Boas será anunciado nos próximos dias. Interinamente, a Sesab será conduzida pela subsecretária Tereza Paim.

    As ofensas contra a chef do restaurante Preta ocorreram durante uma troca de mensagens de texto no domingo (1º). O ex-titular da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) se exaltou com a chef ao encontrar o restaurante fechado, numa excursão ao lado de parentes e amigos, e enviou diversos insultos à profissional via WhatsApp.

    Na segunda-feira (2), uma carta de Angeluci em resposta às ofensas do secretário e explicando as circustâncias circulou pelas redes sociais. Em seguida, secretário pediu desculpas “pelos comentários inadequados”, “em circunstâncias injustificáveis”.

    Diversas entidades, como a OAB-BA e o Conselho de Turismo da Bahia divulgaram nota para repudiar a atitude do então secretário Fábio Vilas-Boas.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.